Pular para o conteúdo

No Calendário Israelita Fica no mês de: ABIBE / NISÃ (Março/Abril).
Referências:(Êx. 12:2; 13:4; 23:15; 34:18; Dt. 16:1; Ne. 2:1; Et. 3:7) "Este deverá ser o primeiro mês do ano para vocês...

páscoa dos hebreus saída do Egito

Neste dia do mês de abibe vocês estão saindo...

Celebrem a festa dos pães sem fermento; durante sete dias comam pão sem fermento, como eu lhes ordenei. Façam isso na época determinada do mês de abibe, pois nesse mês vocês saíram do Egito. “Ninguém se apresentará a mim de mãos vazias...

Páscoa dos Hebreus No Mês de Abibe

Observem o mês de abibe e celebrem a Páscoa do SENHOR, o seu Deus, pois no mês de abibe, de noite, ele os tirou do Egito... No mês de nisã do vigésimo ano do rei Artaxerxes, na hora de servir-lhe o vinho, levei-o ao rei. Nunca antes eu tinha estado triste na presença dele...

No primeiro mês do décimo segundo ano do reinado do rei Xerxes, no mês de nisã, lançaram o pur, isto é, a sorte, na presença de Hamã a fim de escolher um dia e um mês para executar o plano. E foi sorteado o décimo segundo mês, o mês de adar."(NVI).

Agricultura e Clima: Chuvas tardias de primavera. Início da colheita da cevada e do linho.

Festas: Páscoa - Pães sem fermento (asmos) - As primícias.

Há em todos os lugares da cidade um ar de festa. Todos pensam em receber e dar presentes, de preferência ovos grandes e coloridos ou coelhinhos recheados. Co certeza esta festa é muito gostosa. Sem dúvida saborosa. Será que a páscoa é isso: dar e receber bombons? Qual será o real significado da páscoa?

pascoa hebreus

Vocês sã capazes de responder a esta pergunta? Não? Então vejamos como a páscoa é importante e bastante significativa, principalmente para nós que conhecemos Jesus como nosso Salvador.

No capítulo 12 do livro de Êxodo (leia-o no na íntegra no final desta matéria), ficará conhecendo a história da mais importante e solene (que se festeja ou celebra com pompa) festa dos judeus, A PÁSCOA.

Páscoa é o mesmo que “passagem” ou “passar por cima” e nos faz lembrar a passagem do anjo da morte na ocasião da morte dos primogênitos da Egito.

A grande festa da páscoa celebra tanto a libertação do povo da escravidão como a salvação dos primogênitos dos judeus, cujas vidas foram poupadas. Em resumo: A

PÁSCOA FALA DE LIBERDADE E VIDA.

NO NOVO TESTAMENTO PÁSCOA SIGNIFICA RESSURREIÇÃO.
Foi durante as comemorações da páscoa que Jesus Cristo ressuscitou garantindo-nos assim a vida eterna.

PÁSCOA SIGNIFICA LIBERDADE PLENA EM CRISTO.
Foi na páscoa que todos os discípulos ouviram falar que seu Mestre, amigo e Senhor ia encontrar-se com eles em Jerusalém. Já não havia mais motivo para temer. Jesus havia vencido a morte.

Com certeza você está se perguntando: o que isso tem a ver com coelhinhos de chocolate, ovos, girassol, etc.? A resposta é simples: N A D A.

Esses e outros símbolos são herança dos povos pagãos, que foram atravessando fronteiras e chegaram até nós.

A maioria desses símbolos, tão difundidos em nossa cultura, surgiram de “lendas”, e o significado da palavra lenda é: Uma narração de caráter maravilhoso na qual os fatos históricos são deformados pela imaginação popular; mentira, patranha.

Desde o começo do mundo o cordeiro tem um lugar muito especial no relacionamento do homem com Deus. Em (Gn. 4:4) "Abel, por sua vez, trouxe as partes gordas das primeiras crias do seu rebanho.

O SENHOR aceitou com agrado Abel e sua Oferta." (NVI) podemos ver a primeira vez em que um cordeiro é usado como culto a Deus, quando Abel agrada ao Senhor ao oferecer-lhe as primícias de suas ovelhas. Mais tarde Abraão também oferece um cordeiro à Deus (Gn. 22:7-18) “Isaque disse a seu pai Abraão: “Meu pai!” “Sim, meu filho”, respondeu Abraão. Isaque perguntou:

“As brasas e a lenha estão aqui, mas onde está o cordeiro para o holocausto?” Respondeu Abraão: “Deus mesmo há de prover o cordeiro para o holocausto, meu filho”. E os dois continuaram a caminhar juntos.

Quando chegaram ao lugar que Deus lhe havia indicado, Abraão construiu um altar e sobre ele arrumou a lenha. Amarrou seu filho Isaque e o colocou sobre o altar, em cima da lenha. Então estendeu a mão e pegou a faca para sacrificar seu filho. Mas o Anjo do SENHOR o chamou do céu:

pascoa dos hebreus sacrificio

“Abraão! Abraão!” “Eis-me aqui”, respondeu ele. “Não toque no rapaz”, disse o Anjo. “Não lhe faça nada.Agora sei que você teme a Deus, porque não me negou seu filho, o seu único filho.”

Abraão ergueu os olhos e viu um carneiro preso pelos chifres num arbusto. Foi lá pegá-lo, e o sacrificou como holocausto em lugar de seu filho.

Abraão deu àquele lugar o nome de “O SENHOR Proverá”. Por isso até hoje se diz: “No monte do SENHOR se proverá”.

Pela segunda vez o Anjo do SENHOR chamou do céu a Abraão e disse: “Juro por mim mesmo”, declara o SENHOR, “que por ter feito o que fez, não me negando seu filho, o seu único filho, esteja certo de que o abençoarei e farei seus descendentes tão numerosos como as estrelas do céu e como a areia das praias do mar.

Sua descendência conquistará as cidades dos que lhe forem inimigos e, por meio dela, todos os povos da terra serão abençoados, porque você me obedeceu”. (NVI).

Festa de Páscoa dos Hebreus - Saída do povo de Israel do Egito

Na saída do povo de Israel do Egito, foi o sangue de um cordeiro que salvou a vida dos primogênitos israelitas (Êx. 12:7,13) “Passem, então, um pouco do sangue nas laterais e nas vigas superiores das portas das casas nas quais vocês comerão o animal...

O sangue será um sinal para indicar as casas em que vocês estiverem; quando eu vir o sangue, passarei adiante. A praga de destruição não os atingirá quando eu ferir o Egito.” (NVI).

Esse cordeiro sacrificado ao Senhor era escolhido com muito rigor. O cordeiro precisava Ter um ano de idade, ser perfeito fisicamente; não poderia ser cozido, nem comido cru, mas assado no fogo, seus ossos não podiam ser quebrados.

pascoa dos hebreus comidas

O cordeiro só podia ser comido acompanhado de pães asmos (um tipo de pão sem fermento), e de ervas amargas.

O fermento, proibido durante as festividades, era símbolo de corrupção, e as ervas amargas simbolizavam os anos de amargura que o povo passou no Egito.

Os judeus celebravam a páscoa para se recordarem do sua saída vitoriosa da escravidão no Egito.

Hoje comemoramos a páscoa para nos recordarmos do sacrifício de Cristo por nós na cruz. Jesus foi o cordeiro perfeito que não experimentou o pecado, mesmo tendo vivido entre os homens pecadores. Jesus deu o mais amplo e novo significado à páscoa dos hebreus.

Para nós a páscoa simboliza o sacrifício de Cristo e a salvação dos pecados além da certeza de uma vida eterna com ele nos céus.

Como você têm comemorado a páscoa? Como uma festa folclórica, vazia de significado espiritual? “E conhecereis s a verdade e a verdade vos libertará.” (Jo. 8:32) - Fonte: Mauro C. Graner

Páscoa dos Hebreus: A Festa da Páscoa na Bíblia
5 (100%) 4 votes